A Reeducação Funcional consiste na especialidade que avalia o movimento esportivo. Todo gesto esportivo tem uma execução ideal. Parte-se de uma avaliação clínica, muitas vezes auxiliada por câmeras, a fim de entender os possíveis desvios de movimento geradores de sobrecarga e perda de eficiência. Utiliza-se, então, técnicas de correção desse movimento desde a sua base.

É utilizada no tratamento de lesões de sobrecarga (causadas pela repetição, e não por um evento específico), na prevenção durante um processo de treinamento, e até mesmo é utilizada para melhora de desempenho, já que a eficiência mecânica é um dos pilares da performance.

A mesma técnica é utilizada largamente, fora do contexto do esporte, para tratar lesões que decorrem da repetição de padrões posturais inadequados em outras tarefas. Tem-se, como exemplo, ficar sentado no escritório, dirigir, caminhar muito, ficar muito tempo em pé e etc.